6 de junho de 2012

Participem do nosso Post sobre o Meio Ambiente!!!

Após ler o texto deixe uma dica contendo uma atitude sustentável que seria importante para o Meio Ambiente.

05/06 - Dia Mundial do Meio Ambiente

Baía de Guanabara


Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, será realizada de 13 a 22 de junho de 2012, na cidade do Rio de Janeiro. A Rio+20 é assim conhecida porque marca os vinte anos de realização da Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento (Rio-92) e deverá contribuir para definir a agenda do desenvolvimento sustentável para as próximas décadas.

A proposta brasileira de sediar a Rio+20 foi aprovada pela Assembléia-Geral das Nações Unidas, em sua 64ª Sessão, em 2009.

O objetivo da Conferência é a renovação do compromisso político com o desenvolvimento sustentável, por meio da avaliação do progresso e das lacunas na implementação das decisões adotadas pelas principais cúpulas sobre o assunto e do tratamento de temas novos e emergentes.

A Conferência terá dois temas principais:

  • A economia verde no contexto do desenvolvimento sustentável e da erradicação da pobreza; e
  • A estrutura institucional para o desenvolvimento sustentável.
A Rio+20 será composta por três momentos. Nos primeiros dias, de 13 a 15 de junho, está prevista a III Reunião do Comitê Preparatório, no qual se reunirão representantes governamentais para negociações dos documentos a serem adotados na Conferência. Em seguida, entre 16  e 19 de junho, serão programados eventos com a sociedade civil. De 20 a 22 de junho, ocorrerá o Segmento de Alto Nível da Conferência, para o qual é esperada a presença de diversos Chefes de Estado e de Governo dos países-membros das Nações Unidas.


fonte: http://www.rio20.gov.br/sobre_a_rio_mais_20

10 comentários:

Nadin Kuntze disse...

Minha dica é utilizar camisetas velhas como sacolas recicláveis

Barbara Cristy Silvério disse...

http://bioleo.org.br/

Esse instituto realiza belo trabalho de coleta de óleo de cozinha.Eles vendem esse óleo para usinas de biodiesel e revertem esses valores para instituições e projetos sociais, ou em forma de dinheiro ou de insumos.

Projeto APE disse...

Muito boa sua dica Barbara!!!!

O óleo de cozinha quando jogado na pia de casa no lixo ou em terreno acarreta em vários problemas: o entupimento da rede de esgoto e poluí nosso rios!!!!

PROJETO APE BAURU disse...

Também podemos utilizar o resto de óleo de cozinha assim:

Ecofaxina

Sabão caseiro em barra:
Existem várias maneiras de preparar sabão caseiro.
Para essa receita, você vai precisar de ½ litro de soda cáustica líquida, 2 litros de óleo ou gordura, 250ml de álcool e 1½ litro de água. Ferva a água e a coloque em um balde com todos os outros ingredientes. Com um cabo de vassoura ou com uma colher de pau, misture bem por mais ou menos 40 minutos. Quando a massa ficar consistente e com uma corzinha creme, forre uma caixa de madeira com um pano, deposite a mistura sobre ele e deixe secar em um local arejado. A pasta pode demorar um pouquinho para endurecer, mas isso é normal. Depois de seco, retire o sabão da caixa puxando pelo pano e corte como desejar.

Mas fique atento: A soda deve ser manuseada com muito cuidado! Não se esqueça de usar luvas de borracha para evitar que ela entre em contato com a pele e cause queimaduras.

Detergente para louças:

Ferva, em fogo baixo, duas xícaras de água e 1 xícara de sabão de coco ralado. Mexa até dissolver. Tire do fogo, acrescente mais seis xícaras de água, duas colheres de bicarbonato de sódio, suco de dois limões e misture bem. Depois é só aplicar na louça e esfregar.
http://ecoacao.blogspot.com.br/2011/05/ecofaxina-chega-de-produtos.html

Marluce Camarinho disse...

Dica: ímprima com responsabilidade

Aline Rodrigues - Taubaté disse...

As ideias de sustentabilidade são boas, mas geralmente paliativas. Algumas apenas contribuem para o marketing de empresas que adoraram essa "onda verde".
Sabemos que cada um precisa "fazer sua parte", porém é outro lado que devemos rever, o do consumismo exacerbado. A cultura capitalista é realidade imutável para alguns, diferente dos fluxos de nossos ecossistemas. É preciso mudar todas as partes, social e econômica, para assim chegar ao todo, um sistema ambiental sustentado.

Taís Buch Pastoriza disse...

Concordo com a Aline.
É necessário também conscientizar para o consumo responsável.
Minha dica para isso é utilizar o filme Ilha das Flores para o público jovem e educadores universitários e profissionais. Esse vídeo faz refletir sobre o desperdício, a desigualdade social, os resíduos sólidos (tratamento?), consumo, entre outras questões.

Refletir sobre os transportes também é importante. Transporte coletivo x individual, planejamento urbano e ciclovias, são questões relevantes para ao menos se pensar um "desenvolvimento sustentável"...

Anônimo disse...

Em continuidade a idéia exposta pela Aline Rodrigues - Taubaté; Diversas são as idéias pontuais e necessárias para sustentabilidade ao meio ambiente. Todavia, sustentabilidade abrange amplo aspecto Político, Econômico e social. Visto que vivemos uma política econômica altamente produtiva resultando na perda dos recursos naturais. No entanto deve-se promover educação social abrangente, de maneira a nos tornarmos uma sociedade empoderada quanto ao consumo necessário, avaliando os custos e sua real necessidade, ao invés do consumismo e descarte desordenado de matéria prima.
Opções de Filmes a serem trabalhados são:
Filme: Uma História das Coisas.
Documentário: Criança a alma do negócio.

* Darlane Marinho - LESTE 3
* Franklin Antonio - LESTE 3

Anônimo disse...

Fábio Henrique Costa Vieira

Os três R's (Reduzir, Reutilizar e Reciclar) são dicas muito importante de pequenas ações que podem mudar muito o ambiente em que vivemos. Estamos muito atrelados ao reciclar e ao reutilizar mas não pensamos em nossos atos de reduzir o resíduos que geramos...

Nadin Kuntze disse...

Oi Pessoal,

legal a opinião de todos!!!!! e das dicas também!!!

Também concordo com a Aline precisamos modificar essa cultura do consumo exagerado.